14 de mar de 2017

Poesia de Virgolino Lima - Bela Poesia


Bela poesia  

Bela poesia
Levita os desejos da mente
Explorando o coração
Na convicção do amor existente
Ao se debater nas laterais do universo
Mais amor para nós eu peço,
Para flutuar e contornar as linhas do horizonte
Fazer um grão de areia virar um monte
Fazer um olhar seu virar raio de luz
Sentir suas carícias
Como as areias da praia
Sentem o carinho das ondas
Mansas e serenas como teu olhar
Ouvir suas gargalhadas
Como canto da sabiá.

Virgolino Lima

Nenhum comentário: