26 de mai de 2013

Poesia de Marina Feldhues - A Compra da poesia

 

A compra da poesia

- Quanto vale o metro quadrado de um minuto de poesia?
Pago pela poesia pronta,
já embutido no preço
o custo da inspiração.

- Obrigada, prezado Senhor.
Escute essa aqui, a seu dispor...
O acabamento é de um requinte contemporâneo,
foram utilizadas palavras de altíssimo conceito,
todos os versos, rimas, métricas  seguem os mais altos padrões
de poder, de ter ou de deixar de ser.

-E quanto me custará esse espaço de cultura para minha sofisticação?

-Foi de graça Senhor.
cultura não se compra
e poesia é tempo,
e o tempo já passou.

 
Marina Feldhues

Nenhum comentário: