16 de mar de 2013

Poesia de Pedro Cáceres - Como escrever bem


COMO ESCREVER BEM
Pedro Cáceres

Deve haver clareza
[Expressividade
Deve haver ordem direta
[Originalidade
Deve haver conectividade de ideias
[Intensidade
Deve haver escolha, Variantes linguísticos
[Textualidade

Começo – meio – fim

Quem disse que a vida é assim?
Quem disse que um texto deve ser assim?

Qual é a lógica desta fábrica de bolos
Molde de massas informes
Mil formas de fôrmas
Apartadas de mim

Começo – meio – fim

Quanta vida foi ceifada sem começo
Quantos sorrisos desembocaram no meio de soluços
Quantos fins findaram sem começos, meios, fins

Professores... desculpem-me
Um texto não deve ter começo – meio – fim
A vida não é assim

Não há coesão textual na vida
Encadeamento semântico
Estruturas sintáticas

As imensidões da vida
Não cabem no reducionismo matemático
Não cabem na fria técnica do aço

Na vida – como no texto
Cabem os descaminhos
Os descompassos
As incoerências

Os fins sem começos
Os meios à deriva
Tudo arremessado
Ao vento

Porém, é certo
Que este poema
Morrer afogado
Na própria
Contradição         

Nenhum comentário: