8 de nov de 2012

Poesia de Margarida Alves



SILÊNCIO

LEVE E SUAVE SILÊNCIO EXISTE DENTRO DO MEU SER
ESSE SILÊNCIO QUE ME REFAZ CALMAMENTE
ME ENCHE DE REFLEXÕES E EMOÇÕES
SILÊNCIO QUE NÃO ME INCOMODA, CONSOLANDO MINHA ALMA
RELAXANDO MEU ESPIRITO E ALIVIANDO MEU CORAÇÃO
SILÊNCIO ESSE ALIVIADO, QUE CONCENTRA MEU EGO CATIVANTE E PERDIDO
QUE ME PREENCHE NAS VEZES EM QUE ME ENCONTRO TRANQUILO
E HARMONIOSAMENTE O BEM ESTAR ME ACOMPANHA E O HOJE É CALMO E TRANQUILO
REFLITO EM MEUS PLANOS, ME CONCENTRANDO EM MINHAS INSPIRAÇÕES E REALIZANDO ALGUNS IDEAIS
NESSE SILÊNCIO QUE ME TOCA ME CONCENTRO EM VOCÊ
ENCONTRANDO- ME EM SEU JEITO TODO PRÓPRIO DE SER, COMIGO MESMO
AO ME PERDER NO DELÍRIO DAS SUAS LEMBRANÇAS
E ME ENVOLVO EM UM MUNDO SÓ SEU, PASSANDO A SER MEU, POR ESTAR VIVENDO VOCÊ
E NESSE MERGULHO DE ILUSÃO E SONHO, ME ENCONTRO VIVENDO EM UMA REALIDADE QUE QUERIA TER E SÓ OBTENHO PAZ, ATRAVÉS DESSE DELÍRIO
E FICO TORCENDO PARA CADA VEZ MAIS ESSE MOMENTO ÚNICO E FASCINANTE SEJA MAIS INTENSO
E ASSIM, UM DIA SE ETERNIZAR, PASSANDO DA ILUSÃO À REALIDADE
VIVENDO UM SONHO REAL, ONDE SILENCIOSAMENTE TENHO E VIVO VOCÊ.

MARGARIDA ALVES

Nenhum comentário: