7 de out de 2012

Poesia de Onildo Moreno


FOGUEIRAS DA INQUISIÇÃO !


Onildo Moreno


NAS FOGEIRAS DA INQUISIÇÃO
FIGUEIRAS
SOBREIRAS
OLIVEIRAS
NENHUM RODIRGUES PEREIRA  ESCAPAVA
NAVARRO
MORENO
MACEDO
PRIMO
CARVALHO
POSSUÍAM SANGUE JUDAICO
NAS FOGUEIRAS DA INQUISIÇÃO
GOMES
MENDES
NUNES
TORRES
ALVARES
CAPAZES DE COISAS PRODIGIOSAS
NAS FOGUEIRAS DA INQUISIÇÃO
BRAGA
SILVA
UNIAS
FAMÍLIAS SEFARADINS NAS FOGUEIAS DA INQUISIÇÃO
MARRANOS ! MARRANOS!  MARRANOS!
ANUSIM ! ANUSIM ! ANUSIM!
O SANGUE CHAMA !

PS . POESIA DECICADA A TODOS OS BNEI ANUSSIM

3 comentários:

CENTRO DE ARTES E CULTURA DE PERNAMBUCO disse...

É MUITO IMPORTANTE ESSE RENASCER DA RAIZ JUDAICA NA POESIA DE HÔSHEA MORENO TODOS OS DESCENDENTES DE JUDEUS, ANUNSINS QUE FORAM OBRIGADOS A MUDAR O NOME E ACEITAR UMA FILOSOFIA RELIGIOSA DIFERENTE DA SUA DEVE RECEBER ESSE RESGATE ANTROPOLÓGICO E HISTÓRICO. OBRIGADA MORENO

meu mundo disse...

lindo primo,amei quero ver o livro viu?
publique

Jefferson Linconn disse...

Parabéns, Onildo. A poesia vem das falas das pessoas mais cordiais, amigas e com capacidade de transformar cenas e situações tristes em retratos e avaliações profundas acerca da sociedade e sobre os próprios homens.