8 de set de 2012

Poesia de Lucas Freire

 
Escolhidos pelo dedo de Deus
 
Lucas Freire
 
Mesmo sem imaginar que te conheceria
de alguma forma Deus unio os caminhos.
Mesmo sem pensar sentia medo de amar
e mais uma vez me enganar na paixão.
Mesmo sabendo que eu não era seu amor
demonstrava não desistir de você a verdade.
 
Minhas esperanças quase as jogava ao vento
mas sentia que não devia desistir e continuei
quando comecei a ti conhecer pude perceber
o seu brilhar e que você era o meu amor.
O que fiz para merecer o teu amor?
Orei, corri atrás, confirmei o que sentia.
Agora posso acreditar que aquelas madrugadas
que estive orando pela minha metade valeu.
Agora posso confiar e esperar confiante
pois acredito que o que Ele unio só uma
coisa pode acabar com o nosso amor!
Você ouvir as besteiras desse mundo e
deixar o seu coração em segundo plano.
Não deixe de amar, ame e seja amada
procure ser feliz e não ser perfeita amor.
Para mim você é filha do rei, és linda ao
olhar do Senhor e aos meus o importante.
 
Estou dedicando esta poesia à Bianka Marianna

Nenhum comentário: