17 de jul de 2012

Poesia de Valter Fernandes


LUA



Aguça a mente fértil humana

Companheira das marés

Companheira dos amantes

Como é belo o seu olhar prateado!

Nua flutua no espaço sideral

Tão misteriosa!

Tão bela!

Tão nua!

Tão lua!



Valter Fernandes

Nenhum comentário: