26 de mar de 2009

POESIA DE Valdeck Almeida de Jesus


Coração de Pedra


Vivi traições e mentiras,
Alegrias e tristezas.
Com você, surge no horizonte
O amor que me tira da torpeza.

Sensação boa, gratificante,
Vivifica o corpo e a alma,
Desperta o humano,
Revive o poeta.

Os versos retornam,
A sensibilidade aflora,
Quando a paixão me devora.

O amor faz rir ao triste,
Dá sorriso a quem chora
E quebra o coração de pedra.


Alagoinhas, 18 de janeiro de 2009

...

Nenhum comentário: